Logo

Carrinho de Orçamento Lista de orçamento: 0 itens em sua lista.


Faça já um orçamento! Entre em contato: (28) 3522-8644

A ergonomia do home office: como lidar?

Eu tive o mesmo problema que vocês têm agora, antes de mudar para a casa em que estou atualmente. Tive que montar uma mesa na sala dos meus pais, embaixo da escada. Tive que procurar uma mesa e uma cadeira que não fossem as da cozinha. E tive que criar um ambiente onde nada pudesse me interromper nos momentos de foco. Dá trabalho ter um ambiente de trabalho =P

A pior coisa que você pode fazer é assumir o sofá ou a mesa de jantar como seu escritório. É preciso pensar num canto só seu, onde você consiga concentração e conforto. Compartilho com vocês alguma dicas que eu aprendi na marra, falhando e acertando.

O espaço

O ideal, ideal mesmo é ter um cômodo dedicado para o seu home office - pode ser aquele cômodo do apartamento que não tem nada agora, apenas os armários de tranqueiras. Lá você pode instalar mesa, cadeira, prateleiras, arquivos e o que mais você precisar. É o que eu tenho hoje, depois que mudamos para o apartamento onde estamos. Um ambiente isolado ajuda na ambientação de quem começa agora a trabalhar em casa, e dá mais liberdade para a adequação do lugar ao seu modo de fazer as coisas.

Infelizmente a realidade não é bem o ideal. O que mais acontece hoje em dia é que não temos um cômodo em casa sobrando para o home office. Então é preciso fazer isso em um ambiente que fique mais vazio durante o dia. Isso depende muito do nível de concentração que você precisa ter. Pode ser o seu quarto, ou a sala, se ela não tiver muita circulação de pessoas durante o dia. Montar uma mesa na sala de frente para a TV não dá muito certo - acredite, eu sei. Dá pra apostar em pequenas mesas com pouca estrutura, apenas o necessário.

Os móveis

Importantíssimo: antes de comprar os móveis para o home office, é importante prestar atenção no jeito mais adequado de se sentar e em qual altura a mesa deve estar. Isso vai evitar um desgaste muito grande depois, como as dores nos braços e nas costas. O ideal é que a altura da mesa deve ser de 75 cm de altura, e uma profundidade onde você possa descansar seu braço até o cotovelo enquanto usa o teclado.

A cadeira adequada deve ter rodízio com regulagem de altura do assento ao braço. Isso evita aquele efeito de "braço pendurado" em cima da mesa, o que causa tendinite. A cadeira com braço regulável também pode compensar uma mesa sem a profundidade necessária - o braço vira o apoio do seu cotovelo.

Sente-se com a coluna reta com os braços apoiados formando um ângulo de 90 graus entre os ombros e o antebraço. Da mesma forma, os joelhos devem estar alinhados para a frente como o posicionamento dos tornozelos.

O ritmo

Não vai adiantar seguir as dicas acima se seu ritmo de trabalho é alucinante. Reserve tempos do dia para parar e relaxar um pouco. Eu geralmente faço isso aqui em casa ouvindo rádio durante o almoço e lavando a louça. Fora o horário de almoço, uns 30 minutinhos à tarde, e de vez em quando levantar da cadeira para alongar as pernas.

Ergonomia também é cuidar do corpo. E o corpo não foi feito para ficar parado por muito tempo. É preciso movimentá-lo em tempos constantes, ou correr o risco de dores por pura inanição e sedentarismo. Use aplicativos de time tracking para te lembrar de quando parar durante o dia.

Creditos: 

ANDERSON COSTA

Redator e consultor em comunicação, 34 anos. Trabalha com um notebook e smartphone onde for, além de fones de ouvido extra-reforçados. É o idealizador do Movebla, dono, editor, o cara que escreve, o cara que faz tudo.

http://www.movebla.com/3725/home-office-ergonomia/



Atendimento:

28 3522-8644

Rua Coronel Alziro Vianna nº16, bairro Aquidabam
Cachoeiro de Itapemirim - ES
CEP 29.308-110

veja o mapa.

Mapa do site:

- Home
- Quem somos
- Produtos
- Cases
- Fale conosco

© 2010 - 2019 SISTEC - Sistema Tecnológico para Escritórios.